• IT
  • EN
  • RU
  • CN
  • BR
Realizações
SISTEMAS DE TRANSPORTE SUSPENSOS

Sistema ATIL (Automotor Transporte Interno Leve) para grande hospital

ATIL (AUTOMOTOR TRANSPORTE INTERNO LEVE) PARA GRANDE HOSPITAL

PAÍS:  ITÁLIA

MATERIAIS TRANSPORTADOS:

  • radiografias, ecografias, tomografias
  • materiais estéreis
  • provetas de sangue
  • medicamentos urgentes
  • relatórios médicos, cartelas clínicas, correspondência, módulos, chancelaria

FUNÇÕES AUTOMATIZADAS:
O Sistema Salmoiraghi de Transporte Interno Leve, instalado no “Nuovo Ospedale dell’Angelo” em Mestre, movimenta em completa segurança materiais leves, interligando de modo rápido e flexível as diferentes áreas internas da estrutura sanitária, que neste especifico projeto são:

  • os andares de internação
  • as salas de cirurgia
  • os laboratórios de análise
  • vários departamentos: farmácia central, day surgery, esterilização, hidroterapia, fisioterapia, endoscopia, terapia intensiva, hemodinâmico, radiologia, diálise.

PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS:

  • O sistema serve 9 andares e 28 estações de retirada/expedição (além daquela de manutenção).
    Cada estação é dotada de um PC de interface com o operador, com páginas vídeo de fácil utilizo e consulta, tão como de avisos óticos-acústicos.
  • O transporte de materiais é feito por meio de veículos automotores (Shuttle) movimentados ao longo do percurso sobre um monotrilho suspenso eletrificado em liga de alumínio extrudido, com trechos em subida ou descida; o encaminhamento dos veículos para os varíos ramais é feito por meio de especiais desviadores motorizados, que permitem a variação de movimento ao longo do percurso. Nos trechos em subida ou descida os automotores estão vinculados ao monotrilho com empenho de uma cremalheira contínua.
    O comprimento total do percurso se desenvolve por cerca 1500 metros.
  • Cada veículo Shuttle é equipado com um contentor basculante de capacidade de carga útil de 10 Kg dentro um volume de 25 litros. Os veículos automotores se movem ao longo do percurso com uma velocidade média de translação 0,4 m/s. Durante a partida-chegada nas estações a velocidade de translação é moderada garantindo total segurança dos operadores.
  • A completa gestão dos veículos automotores e coordenação das missões é gerenciada con Server de supervisão, comunicando com as máquinas com tecnologia wireless em modalidade WiFi, uso de Access Point e dispositivos a bordo dos automotores e/ou nas caixas de comando-gestão dos desvios eletro-mecânico no percurso. O sistema de gestão otimiza a execução das missões em função da disponibilidade dos destinatários, visualizando os transportes operados e relativo tráfego, interface de diagnóstico remoto, estado das estações, deslocamento dos automotores e dados estatísticos-históricos.
MAIORES DETALHES
Top